Ribeirão vai vacinar professores de cursos livres, garis e pessoas de 59 anos

Prefeito Clovis Volpi anunciou novidades em suas mídias sociais e afirmou que espera que em 10 dias cidade vacine 6 mil pessoas até 50 anos

Paula Cabrera

O prefeito de Ribeirão Pires, Clovis Volpi (PL), anunciou nesta quarta-feira (9/6) a inclusão de professores de cursos livres, garis e a população de 59 anos na vacinação contra covid-19 na cidade.
Professores de ensino livre são  profissionais que dão aulas de teatro, música, línguas, ballet, artes marciais e cursos de cabeleireiro. “Estamos seguindo o plano federal. Precisamos então que as pessoas tragam os documentos para garantir essa imunização”, diz ele, que afirma que o registro profissional ou o holerite garantirá a imunização. Profissionais que atuem em outras cidades, mas morem em Ribeirão também poderão ser imunizados, segundo o prefeito. “Precisa apresentar comprovante de endereço, seja contas ou contrato de locação”, diz.
A partir desta quinta-feira (10/6) todos os que trabalham com coleta de resíduos também poderão ser vacinados. “Pessoal do meio ambiente que faz visitas técnicas, cooperados que manuseiam essa coleta seletiva, entram na quinta-feira”, afirmou o prefeito.
Já no sábado, a cidade começa a vacinar por idade, a partir de 59 anos. A expectativa é de baixar idades a cada dois dias. “Se recebermos o que governo está anunciando, a cada 48h vamos baixar um ano na idade. Nossa previsão é de que, em 10 dias, cheguemos aos 50 anos. Nossa previsão é de 6 mil pessoas nessa faixa etária”, explicou Volpi.

A imunização ocorrerá no Complexo Ayrton Senna (av. Valdírio Prisco, 193), das 8h às 16h, para pedestres e também em formato drive thru. A vacina ofertada será AstraZeneca/Fiocruz.

Conforme definido pela lei 14.026/2020 – limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos são constituídos pelas atividades e pela disponibilização e manutenção de infraestruturas e instalações operacionais de coleta, varrição manual e mecanizada, asseio e conservação urbana, transporte, transbordo, tratamento tratamento e destinação final ambientalmente adequada dos resíduos sólidos domiciliares e dos resíduos de limpeza urbana.

Para receber a vacina, o trabalhador deverá comprovar atuação na área através de Declaração de Atividade emitida pela empresa localizada em Ribeirão Pires, além do CPF.

Trabalhadores de cursos livres e profissionalizantes

Profissionais da Educação de cursos livres e profissionalizantes também serão vacinados contra a Covid 19. Basta ser maior de 18 anos e comprovar atuação na área por meio de um dos documentos: Carteira de Trabalho, Holerite, RPA (Registro de Pagamento Autônomo) ou MEI (Micro Empreendedor Individual), ISS (Imposto Sobre Serviço) ou CMC (Cadastro Municipal de Contribuintes), além de Declaração de Atividade emitida pela instituição localizada na cidade e CPF.