Prefeitura de São Bernardo abre unidade avançada do Bom Prato no bairro Assunção na segunda-feira

Em 11 de maio, serão disponibilizados almoços (R$ 1) para aumentar a oferta do serviço e evitar aglomeração no restaurante do Centro; prefeito Orlando Morando anunciou medida no local

Em meio a pandemia do coronavírus, o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, se comprometeu em não deixar faltar alimento aos moradores de São Bernardo. Para garantir a segurança alimentar da população em alta vulnerabilidade social e evitar aglomerações na unidade do Bom Prato Dia & Noite, no Centro, será aberta a nova unidade denominada “Bom Prato de Campanha”, na Avenida Humberto de Alencar Castelo Branco, 4381, no bairro Assunção, nesta segunda-feira (11/05). Serão distribuídos 400 marmitex, todos os dias, a partir das 11h.

“Nesta pandemia, estamos buscando todas as medidas para garantir alimento na mesa dos moradores de São Bernardo. A população que se alimenta no Bom Prato, no Centro, terá a opção de fazer a refeição neste local. O intuito é evitar aglomerações e proteger a população. Desta forma, os moradores do Assunção, Alves Dias, Grande Alvarenga e região não precisarão ir até o Centro para ter almoço de qualidade por apenas R$ 1”, afirmou o chefe do Executivo.

A Prefeitura, por meio desta Pasta, efetivou o termo de parceria com o Crami ABCD (Centro Regional de Atenção aos Maus Tratos na Infância do ABCD), organização da sociedade civil (OSC) responsável pela gestão da unidade de São Bernardo, com aval da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social.

As refeições serão preparadas na cozinha no Bom Prato do Centro e servidas em formato de marmitex, a preço popular de R$ 1, sendo que 10% das refeições serão destinadas às crianças de até seis anos, com isenção deste pagamento. A ação será válida enquanto perdurar os efeitos causados pelo estado de calamidade pública em razão da pandemia de Covid-19, mediante autorização do Governo Estadual. O investimento feito pela Prefeitura será de R$ 405 mil.

IMÓVEL ARRECADADO – O espaço para a instalação do Bom Prato de Campanha foi cedido pela Secretaria de Cultura e Juventude, onde será instalado a Tenda Cultural, fechada em razão da pandemia da COVID-19. Esta área foi recuperada pela Prefeitura em 2019, por meio da Lei Municipal 6.691/2018. A legislação autoriza a Administração a tomar posse de imóveis abandonados particulares e que acumulam dívidas com o município, visando a utilização social dessas áreas. Entre as ações feitas por meio desta Lei estão a nova base central do SAMU, no Centro, e uma praça-parque na Vila Helena. Há mais terrenos em situação semelhante com destinação encaminhada no Rudge Ramos, Jardim Silvina e no Demarchi.