Mãe e filho morrem de covid-19 em Mauá com poucas horas de diferença

Família inteira, moradora do Zaíra 6, teve doença; pai já havia morrido no mês passado

Paula Cabrera

Mãe e um filho, moradores do Zaíra 6, não resistiram e perderam a guerra contra o covid-19 com poucas horas de diferença nesta sexta-feira (30/5). Amigos da família afirmam que o pai já havia falecido há pouco menos de um mês.
Segundo uma amiga da família, todos os cinco filhos da dona Cida Alves do Santos e do senhor Josué Alves dos Santos assim como o casal, ficaram doentes ainda no mês de abril. Josué foi o mais afetado e, mesmo após internação, não resistiu e faleceu.
Na sequência, todos os filhos demonstraram sinais da Covid-19 e dona Cida precisou de internação. Ela ficou poucos dias sob cuidados médicos e se recuperou, para seguir o tratamento em casa. Nesse meio tempo, o estado de Clebson se agravou e ele também precisou de internação. Amigos afirmam que ele teria passado cerca de uma semana na UPA Zaíra antes de ser transferido para o hospital Nardini, onde foi entubado.
Apos melhora, dona Cida passou quatro dias na casa de uma filha em Santo André, antes de piorar e precisar voltar a um hospital na cidade vizinha, onde também foi entubada. Durante a internação, ela começou a ter sinais de problemas cardíacos e se preparava para passar por um cateterismo, mas não resistiu. Clebson faleceu na madrugada de sexta, por volta das 4h da manhã, dona Cida morreu no final da tarde de ontem. Abalada, a família preferiu não se pronunciar sobre o caso.