Mauá: Vereadores definem mesa diretora para próximo biênio

Bloco de 13 vereadores se organizou para renovar a mesa diretora e escolheu Zé Carlos Nova Era para presidência

Paula Cabrera

Os vereadores eleitos da Câmara de Mauá montaram um bloco com treze deles que definiu a mesa diretora e os responsáveis pelas comissões a partir de janeiro de 2021. Pela escolha da maioria, a Câmara deverá ser presidida pelos próximos dois anos por Zé Carlos Nova Era (PL), o vice-presidente será Mazinho (Patriotas), o primeiro-secretário será Márcio Araújo (PSD) e o segundo-secretário Ricardinho da Enfermagem (PSB).
A articulação, que envolve eleitos de vários partidos, começou a tomar forma na semana passada. Nesta semana, os parlamentares decidiram se reunir para montar um bloco de coalisão que garanta total renovação no comando da Casa de Leis. A ideia é realmente garantir que a nova legislatura traga novos ares para a Câmara Municipal.
“Mauá teve a maior renovação na Câmara desde a emancipação. Isso mostra a cidade quer mudanças. Montamos esse bloco pensando nisso, em representar o povo. A aproximação foi natural, com outros vereadores que tinham esse mesmo desejo pela cidade. Não formamos esse bloco para ser oposição ao prefeito, mas para representar os interesses do povo. Nosso trato é não aprovar nenhum projeto que onere a população, que seja negativo para a cidade e nosso povo. De resto, esperamos contato do prefeito eleito (Marcelo Oliveira) para afinar essa interação. Temos certeza de que nos próximos dias isso será possível”, disse Zé Carlos.
Fazem ainda parte do bloco os vereadores Sargento Simões (PSD), Eugênio Rufino (PSDB), Vaguinho (PSD), Wiverson Santana (PL), Leonardo Alves (PSDB), Wellington da Saúde (PP), Samuel Enfermeiro (PSB), Jairo Michelângelo (PTB) e Madeira (Patriotas).

A articulação é bem vista no meio político, uma vez que o prefeito eleito Marcelo Oliveira (PT), que venceu Atila Jacomussi (PSB) no último domingo com 50,74% dos votos também foi vereador por três mandatos, deixando um bom relacionamento na Câmara e terá essa experiência a seu favor.