Câmara de Mauá adota sessões on-line e fecha atendimentos

Decisão foi confirmada na sessão dessa terça-feira e pretende frear transmissão do vírus

Paula Cabrera

O presidente da Câmara Municipal de Mauá, vereador Zé Carlos Nova Era (PL) confirmou nesta terça-feira (9/3) a suspensão de sessões presenciais na Câmara de Mauá enquanto a cidade estiver “sob risco de pandemia”. A proposta foi aprovada por meio de projeto de resolução e prevê ainda que o  atendimento ao público segue paralisado neste período.
Os funcionários da Casa de Leis trabalharão em regime de revezamento, por meio de rodízio a ser estipulado pelas respectivas chefias. A proposta  prevê que apenas dois assessores por gabinete atuem diariamente, devendo os demais executarem trabalho externo ou em regime de home-office.
O presidente agendou ainda uma sanitização geral em todos os recintos da Casa, trabalho que deverá ser executado no domingo e na próxima segunda. “Estaremos no plenário apenas eu e o primeiro-secretário, o Márcio Araújo (PSD). Entendemos que essa é  melhor decisão enquanto estivermos com alto número de infecções e também com nossos hospitais operando no limite”, explicou Zé Carlos, que afirmou que não houve novos casos de covid-19 no Legislativo nas últimas semanas. “É apenas precaução.”