Diadema volta atrás e renova quarentena

Paula Cabrera

Depois de ensaiar a possibilidade de reabrir comércios, o prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV) prorrogou a quarentena da cidade por mais 15 dias.
Em nota, a Prefeitura de Diadema informa “que nesta segunda-feira, 6 de abril, o prefeito Lauro Michels assinou novo decreto municipal 7719/2020, prorrogando a quarentena na cidade por mais 15 dias, conforme orientação do Governo do Estado de São Paulo. O município adotará todas as medidas, restrições e proibições previstas no Decreto Estadual nº 64.881, de 22 de março de 2020”.
Na semana passada, Lauro chegou a abrir nas redes sociais um post para que a população se manifestasse sobre wual caminho seguir, “já que Governo do Estado e Governo Federal tinham opiniões distintas sobre o tema”.
Na nota desta segunda, Lauro confirma ainda a intensificação na fiscalização por toda a cidade para que os comércios que não estão autorizados a funcionar permaneçam fechados e que a população fique em casa. “Essa fiscalização tem como objetivo orientar população e comerciantes. Comércios que descumprirem os Decretos Municipal e Estadual serão fechados imediatamente e advertidos. Quem insistir terá seu estabelecimento lacrado, com suspensão do alvará de funcionamento por 30 dias, caso seja constatada a reincidência”.
Também foi antecipado o recesso escolar que aconteceria em julho. O recesso se dará a partir do dia 8 de abril e seguirá até 23 de abril, conforme decreto municipal 7718/220, também do dia 6 de abril.