Veja 10 Perfis nas redes socias com brincadeiras lúdicas para os pequenos

Pedagogas usam seus perfis para dar opções de brincadeiras para ajudar com motrocidade e diminuir tempo em tela das crianças

Paula Cabrera

A gente esperava um isolamento social de 15 dias, mas nessa semana completamos seis meses de quarentena. Apesar de as pessoas começarem a dar sinais de esgotamento e começarem a retomar a vida com viagens, saídas para restaurantes e shoppings, a verdade é que quem tem filho em casa está no Limite da sanidade, principalmente para os menores de três anos.

A junção de home office com bebês pode ser bastante explosiva. Não sei aí na sua casa, mas aqui, se eu faço comida, não lavo a louça ou a criança já começa a gritar que está sozinha. É praticamente impossível dar conta, e olha que meus horários são bem tranquilos em relação a maioria das minhas amigas.

Em dias cinzas como os dessa semana a situação piora: sem poder correr pra um parque pra gastar essa energia acumulada, eu me rendi aos perfis que dão dicas de atividades montessorianas e de Desenvolvimento de motrocidade para conseguir trabalhar. A maioria requer supervisão e um pouco de cuidado na montagem, mas rende pelo menos uns 20 minutos de paz para sentar e responder mensagens do trabalho.

Entre os perfis preferidos estão dois indicados pela mamãe do Benjamin, a Teresinha. Ela trabalhou muitos anos com pedagogia e também com eventos. Preparar essas brincadeiras é uma felicidade e um resgate para ela.

O primeiro é o criando meus chichis. A maioria das propostas utiliza materias que temos em casa, como garrafas plásticas e papelão. Aqui em casa, sem cola quente, o ursinho comilão teve a boca grudada com etiquetas, mas a brincadeira funcionou e é uma das preferidas da Isabela.

Outra que me rendeu UMA HORA PRA TRABALHAR foi a de esconder brinquedos na gelatina. Ela ficou todo o tempo tirando os bonecos do pote e lavando-os antes de pedir pra eu esconder de novo. Depois, ainda comeu boa parte da gelatina, comida que sempre recusou.

Outro perfil cheio de atividades divertidas é o da Laurinha Zamboni. Tentei duas brincadeiras que não renderam aqui, mas parecem mega divertidas. A primeira foi uma em que misturei água com maisena dentro de uma luva e depois prendi na mesa dela, embaixo de um desenho (bem mal feito) de vaca. A ideia é pedir pra ela ordenhar a vaquinha. Ela odiou, chorou e tudo porque o leite acertou a perninha. Em outra, desenhei peixinhos com canetinha numa folha de papel e prendi embaixo de um pote de vidro com água e corante azul. Entreguei a ela um copo transparente de acrílico que afastava  a água e permitia ver o desenho no fundo do pote e achar os peixinhos.

Já mais sofisticada, a indicação da Patricia Sanino, mãe da Lívia, me rendeu horas de tranquilidade. O perfil da Brincriarte reúne além de dicas -, como a da lama de chocolate (1 copo de farinha, meio copo de chocolate e pó e 1 copo de água) que permite um solo pra esconder brinquedos como dinossauros -, o perfil vende caixas chamadas de busy bags – são experimentos completos para garantir distração das mais variadas por um tempo relativamente longo.

Aqui, comprei uma busy bag com caixa de areia coloridas, um saleiro que ela aperta e a areia cai e um prato com diferentes divisórias pra ela levar a areia de um lado para o outro usando a colher. Juro que a casa ficou tão silenciosa que até assustei.

Outra atividade que comprei de lá foram bolinhas de gel que crescem na água. Ela passou um tempão mexendo nelas – apertando, movendo de uma caixa para outra- e outro tempo pescando elas na água com uma peneira.

Por fim, comprei outro kit de motricidade em que ela passa elásticos de cabelo por uma espécie de cabideiro articulado. Esse ela ainda encontra dificuldades e apesar de passar algum tempo brincando, se chateia e desiste.

Para quem tem filhos maiores, o perfil Tempo Junto, indicação da Carol Molina  traz opções divertidas de brincadeiras com jogos como sinuca – usando cabos de vassouras e bolas de meias- que parecem agradar os maiores.

A maioria desses perfis rende opções para entreter os pequenos por horas, sempre preferindo objetos que achamos fácil em casa.

Nessa semana, Isabela está encantada com a lanterna do celular. Acabamos comprando uma lanterna que vem com imagens para serem encaixadas e servir como projetor.

A vida na quarentena é isso. Inventar brincadeiras para manter os pequenos entretidos e desviar a atenção para falta de tempo (nossa) e de espaço (de casa) que eles enfrentam.

Espero que essas dicas e ideias possam ajudar vocês também.

E já sabe: se tiver dicas de perfis, divide comigo. Bora nos ajudar para que saíamos dessa melhores mães e com crianças felizes de brincar longe da TV.

A lista completa

1 – Criando meus chichis

2 – Laurinha Zamboni

3 – Brincriarte

4 – Tempo Junto

5 – Psicopedagoga Fran

6 – Montessoriando em casa

7- Laboratório infantil em casa

8 – Brincar Criativo

9 – Atividade infantil

10- Vem brincar mamãe